17 de dezembro de 2012

15. Neo-Ateísmo (Com William Lane Craig) - One Minute Apologist

Por Leandro Duarte

Dr. William Lane Craig, renomado acadêmico e filósofo, ajuda-nos a entender o que há por trás do movimento neo-ateísta. 

3 de dezembro de 2012

16 provas de que Moisés escreveu o Pentateuco


Por Leandro Duarte

Muitos teólogos (e não teólogos também) discordam de que Moisés tenha escrito o Pentateuco. Finis Jennings Dake, em sua edição comentada da Bíblia (comercializada pela Editora Atos), introduz o livro de Gênesis expondo 16 provas de que Moisés realmente escreveu os cinco primeiros livros da Bíblia, livros que compõe também a Torah judaica. Eis abaixo os 16 argumentos:

25 de novembro de 2012

Li: Introdução Bíblica

"Não se aparte da tua boca o livro desta lei; antes medita nele dia e noite ..."
(Josué 1:8)

Por Leandro Duarte

Indispensável. Em Introdução Bíblia Norman Geisler e William Nix abordam e aprofundam (ainda que o título traga a palavra Introdução) a questão da Bíblia. Está inclusive entre os livros acadêmicos da Editora Vida.

Clique na imagem acima para comprar o livro
Já no início, os autores abordam o assunto da inspiração dos textos bíblicos, respondendo às seguintes perguntas: O texto é inspirado por Deus ou apenas os homens que escreveram é que o são? Afinal, o que vem a ser a inspiração da Escrituras, citada em II Timóteo 3:16?

Os autores ainda mostram, no decorrer do livro, os fundamentos nos quais estão baseados os cânones do Antigo e do Novo Testamento, segundo o respaldo histórico e a vontade divina, e porque mais nenhum livro pode ser adicionado à eles. E vão além: apresentam a questão dos livros apócrifos, pseudepígrafos e porque os primeiros pais da igreja (ou os profetas do Antigo Testamento) os rejeitaram completamente.

Vale ressaltar também que o livro trata de como os textos originais (chamados autógrafos) foram transmitidos, como podemos ter a certeza de que o texto não foi corrompido ao longo do tempo e quais as traduções feitas, desde a Septuaginta até a bíblia em Português traduzida por João Ferreira de Almeida.

É pertinente apontar também que o livro, por ser de conteúdo puramente acadêmico e dotado de muitas informações, pode se tornar maçante, não pelo assunto, mas pela quantidade de informações. 

Enfim, é uma excelente pedida para aqueles que têm duvidas quanto a veracidade da Bíblia, quanto à sua inspiração e quanto à sua inerrância. Como dito H. L. Hastings:
"Durante dezoito século os incrédulos têm refutado e atacado esse livro e, no entanto, e está hoje firme como uma rocha. Aumenta sua circulação, é mais amado, apreciado e lido do que em qualquer outra época. Com todos os seus violentos ataques, os incrédulos conseguem fazer nesse livro o mesmo que uma pessoa, com um prego para tachinhas, consegue fazer nas pirâmides do Egito. Quando o monarca francês propôs a perseguição aos cristãos em seu território, um idoso estadista e militar lhe disse: 'Majestade, a Igreja de Deus é uma bigorna que tem gasto muitos martelos'. De modo que os martelos dos incrédulos têm, durante séculos, desferidos golpes nesse livro, mas os martelos se gastaram e a bigorna ainda está inteira. Se esse livro não fosse o livro de Deus, os homens teriam-no destruído há muito tempo. Imperadores e papas, reis e sacerdotes, príncipes e governantes, têm todos eles tentado destruí-la. Eles morrem e o livro sobrevive."

Recomendado! 

13 de novembro de 2012

14. A Ressurreição (com Gary Habermas) - One Minute Apologist

"E, se Cristo não ressuscitou, logo é vã a nossa pregação, e também é vã a vossa fé."
(I Coríntios 15:14)

10 de novembro de 2012

Devocionais [5]: Essência


Por Jocteel Salles

Guardamos muitas coisas... Guardamos dinheiro, guardamos lembranças, boas ou ruins, guardamos segredos, guardamos elogios, guardamos diplomas, medalhas e troféus, guardamos cartas, guardamos aquela música, aquele perfume, guardamos o número de telefone da pizzaria, guardamos o carro, a bicicleta ou o velotrol. Guardamos tudo o que é importante para nós. 

Provérbios de Salomão, capítulo 4, verso 23 diz: “Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o teu coração, porque dele procedem as fontes da vida”. 

Por que diria isto o sábio rei Salomão?

22 de outubro de 2012

13. Bíblia vs Alcorão (com Mike Licona) - One Minute Apologist

"Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos tenho anunciado, seja anátema." (Gálatas 1:8)

8 de outubro de 2012

12. A Ressurreição (com Mike Licona) - One Minute Apologist

"E, se Cristo não ressuscitou, logo é vã a nossa pregação, e também é vã a vossa fé."
(I Coríntios 15:4)

30 de setembro de 2012

Devocionais [4]: Plante a Primavera




Plante a primavera, é o que li em uma placa de um pequeno jardim em minha cidade. Pensar na primavera é lindo, vivê-la melhor ainda. Estação das flores, dos frutos, estação de vida, alegria e esperança. Estação que inspira muitos poetas e compositores.

29 de setembro de 2012

11. Recapturando a paixão pela Palavra de Deus (com Kay Arthur) - One Minute Apologist

"Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça;" (II Timóteo 3:16)

24 de setembro de 2012

A Trindade faz sentido? - Debate entre Dr. William Lane Craig e Tovia Singer

"No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus."
(João 1:1)

A Trindade é um dos assuntos mais polêmicos no que diz respeito ao Cristianismo. Neste debate entre o rabino Tolvia Singer, que sustenta a posição de que a Trindade não existe, e o famoso apologista William Lane Craig, que é a favor da existência da mesma, discutem o seguinte tema: A Trindade faz sentido? Debate moderado por Lee Strobel e transmitido em seu programa "Faith Under Fire".

PS.: Alguns livros ditos no vídeo que existem a tradução para o português, foram legendados de acordo com seu título nacional. Os que não possuem tradução, ficaram com o título original.

19 de setembro de 2012

10. Entendendo o neo-ateísmo (Dinesh D'Souza) - One Minute Apologist

"Disse o néscio no seu coração: Não há Deus."
(Salmos 14:1)

15 de setembro de 2012

9. E aqueles que nunca ouviram falar sobre Jesus? - One Minute Apologist

"E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura." 
(Marcos 16:15)

12 de setembro de 2012

Jesus foi realmente crucificado? - Mike Licona

"E nós somos testemunhas de todas as coisas que fez, tanto na terra da Judéia como em Jerusalém; ao qual mataram, pendurando-o num madeiro." (Atos 10:39)

5 de setembro de 2012

8. Jesus é o único caminho para o céu? - One Minute Apologist



Alguém poderia dizer por aí: "Com tantas religiões como os cristãos podem afirmar que só Jesus salva? Acho que ir para o céu seria como subir uma montanha: existem vários caminhos, mas todos levam ao topo".

Então qual é o veredicto? Jesus Cristo é o único caminho pelo qual podemos obter o céu?

3 de setembro de 2012

Pergunta do Leitor (2)


Pergunta: É de nosso inteiro conhecimento que todos os discípulos de Jesus morreram. Como então explicar a afirmação de Jesus em Mateus 16.28? (Leitor Júnior)

30 de agosto de 2012

Devocionais [3]: PermaneSER


“Graça para permanecer e não para revolucionar”, ouvi um amigo há alguns meses declarar isto após ler II Timóteo 4. Desde então esta declaração me fez refletir e meditar.

Permanecer não significa ficar em estado passivo ou indiferente, pelo contrário, significa firmeza, constância e resistência. Muitas vezes pode significar luta sim, luta para ficar firme e se enraizar mais no que você crê, e nisto infelizmente temos visto poucos exemplos. Permanecer é continuar a ser, conservar-se e por que também não dizer: Permanecer é aprofundar-se. 

28 de agosto de 2012

7. Relativismo - One Minute Apologist


Nova (e atrasada) postagem da série One Minute Apologist: Seria o relativismo, tão pregado hoje em dia, uma visão plausível que se aplica à todas as circunstâncias da vida? Confira conosco abaixo:

17 de agosto de 2012

6. Cristãos deveriam participar do Halloween? - One Minute Apologist


Cristãos devem participar do Halloween? Vejamos a seguir no próximo vídeo do One Minute Apologist.

15 de agosto de 2012

Especial: O ÊXODO [parte 2]


Na primeira parte do especial sobre a saída dos hebreus do Egito, vimos algumas comparações do que foi escrito por Moisés no livro do Êxodo com algumas fontes extra-bíblicas, como é o caso do Papiro de Ipuwer, de alguns testemunhos históricos de Josefo,  Diodoro e Herodoto e de inscrições em algumas paredes de tumbas egípcias.

Nesta segunda parte iremos tratar mais profundamente a parte da travessia do mar vermelho. Quais são os achados arqueológicos no fundo do mar? E na praia? As evidências batem com a dinastia do faraó do Egito da época? Confira conosco nessa segunda parte do Especial sobre o Êxodo!


9 de agosto de 2012

5. Um cristão é salvo por obras? - One Minute Apologist


Segundo o espiritismo: "Fora da caridade não há salvação". Bem, aprofundemo-nos um pouquinho mais nessa questão para ver se não há mesmo...

6 de agosto de 2012

Devocionais [2]: Carpe Diem


Certa vez ouvi alguém dizer: "Devemos amar pessoas e usar as coisas, e não o contrário". Esta declaração me vem à memória esses dias. Vivemos em uma sociedade totalmente frenética, onde os valores têm sido corrompidos e trocados. Sei que muitos já têm dito isto, porém não posso deixar de também o dizer. Claramente vemos isto através de declarações, imagens, pensamentos e atitudes nas redes sociais, e ficar repetindo aquilo é demonstrar do que está cheio o coração.


1 de agosto de 2012

4. As pessoas são boas? - One Minute Apologist


As pessoas são boas por natureza? Bobby Conway discorre sobre esta questão, em mais um vídeo da série One Minute Apologist!

31 de julho de 2012

Pergunta do Leitor



Pergunta: Qual é o fundamento em Deus para dar a Israel leis como: proibição para se comer moluscos (Lv 11:10), aparar a barba, inclusive o cabelo das têmporas (Lv 19:27), tocar a pele de um porco morto (Lv 11:6-8), plantar dois tipos de vegetais sob o mesmo solo era violação (Lv 19:19), bem como usar usa roupas feitas de dois tipos diferentes de tecido? (leitor Júnior)

25 de julho de 2012

3. Gramática - One Minute Apologist


Geralmente a palavra "gramática" é vista apenas como um ramo do português e que automaticamente deve ser usado somente na escola.

No vídeo a seguir, Bobby Conway demonstra que até mesmo através da gramática é possível prestar louvores ao Senhor Jesus, e que com a ajuda dela, a doutrina teológica correta ganha ainda mais força.




Nota da tradução: A palavra tense tem inglês equivale a "tempo verbal", traduzi como "Gramática" para ficar mais fiel a proposta do vídeo e mais fácil ao entendimento.

Criado e produzido por: Bobby Conway
Legendado por: Fortefundamento.blogspot.com

19 de julho de 2012

Devocional [1]: Coisas excelentes



Excelência: grau máximo de bondade, qualidade ou perfeição, qualidade do que é excelente. Excelente, que excede em valor, muito bom, perfeito.

Em nosso cotidiano somos constantemente desafiados (mesmo que de forma informal) a sermos excelentes em tudo o que fazemos, seja no trabalho, nos estudos, nas artes, nos relacionamentos e em tantas outras áreas da vida, há um desejo latente de sermos melhores. Esforço, garra e constância são dedicados para que alcancemos a excelência.

17 de julho de 2012

2. Jesus foi criado? - One Minute Apologist


No segundo vídeo da série One Minute Apologist, Bobby Conway debate a seguinte questão: Jesus foi criado?

Descubra conosco em mais um vídeo da série One Minute Apologist!



12 de julho de 2012

Aprofundamento [5]: O que dizer sobre a contradição entre as genealogias de Jesus?


Problema: Em Mateus 1.16 foi registrado que o avô de Jesus era Jacó, enquanto que em Lucas 3.23 diz que era Heli. O que dizer sobre essa possível contradição?

10 de julho de 2012

1. O que é apologética? - One Minute Apologist



Está lançada a nova série de vídeos legendados pelo blog: a One Minute Apologist! O autor e apresentador Bobby Conway, através de vídeos curtos, responde várias perguntas relacionadas a área de apologética. Alguns vídeos contam com a participação de grandes apologistas da atualidade, nomes como William Lane Craig, Thomas Howe, Frank Turek e Norman Geisler.

9 de julho de 2012

Novidades!




É verdade, já faz tempo que não posto nada aqui no blog, mas por pura falta de tempo. Passei por um momento de adaptação com a faculdade e entrei na auto escola também... mas não abandonei o barco não, vêm novidades por aí!



29 de janeiro de 2012

Relativizando a Tolerância



Tudo é permitido em nome da tão aclamada Tolerância (sim, com letra maiúscula porque está quase personificada hoje em dia). Não é difícil encontrar multidões que levantam a bandeira da Tolerância para fazer o que bem entendem. Frases feitas do tipo: "Como você pode afirmar que isto o que você faz é o certo?" ou "Quem disse que a verdade é absoluta?" ou ainda "A maior das virtudes é a Tolerância" são usadas como pretexto para a liberdade e a libertinagem sexual, por exemplo. O que esqueceram de avisar é que o conceito de Tolerância está sendo a cada dia mais deturpado e sufocado (alguns nem ao menos sabem disso, disseminam a falsa Tolerância com o propósito de achar apoio ao seu erro).

24 de janeiro de 2012

Li: Não tenho fé suficiente para ser ateu

"... e estai sempre preparados para responder com mansidão e temor a qualquer que vos pedir a razão da esperança que há em vós," [I Pe 3:15]

Já fazia algum tempo que estava atrás desse livro. Desde que li "Mais que um carpinteiro" de Josh McDowell (ainda pretendo escrever sobre ele aqui no blog), e descobri os livros de apologética cristã, sempre estou atrás de livros bons sobre o assunto, e um deles é este: Não tenho fé suficiente para ser ateu.

Clique para comprar o livro
Norman Geisler e Frank Turek [o primeiro doutor em Teologia e Filosofia e o segundo doutor e com dois mestrados em Apologética] trilham caminhos no livro que nos levam a conclusão que realmente é necessário muito mais fé para ser cético do que o contrário. 


Um dos vários pontos interessantes que o livro aborda é a desconstrução da famosa (e muito disseminada pela imprensa) frase: Ciência vs Religião. Por que colocam os dois pilares como inimigos se através da ciência pode-se provar o cristianismo?

Além disso, grandes expoentes ateus na história, como Immanuel Kant e David Hume, são discutidos e refutados no livro e grandes outros pensadores (como C. S. Lewis, Albert Einstein e William Lane Craig) são juntamente citados.

Peguntas como "Se Deus existe, então por que existe o mal?" e "Existem evidências históricas para a ressurreição de Jesus?" são algumas das muitas outras respondidas no livro. Altamente recomendado!



Leandro Duarte

20 de janeiro de 2012

Desentendimentos


"Tende cuidado, para que ninguém vos faça presa sua, por meio de filosofias e vãs sutilezas, segundo a tradição dos homens, segundo os rudimentos do mundo, e não segundo Cristo" [Cl 2:8]


Antes de dar início a postagem, preciso me desculpar com vocês. O fato é que vários acontecimentos impediram uma postagem nova desde a virada de ano... mas cá estou eu outra vez.

Não é de hoje que versículos bíblicos têm sidos pegos fora de contexto e têm sido usados como pretexto para disseminar discussões e envergonhar o verdadeiro evangelho. Geralmente acontece com o objetivo de fundamentar a opinião daquele que o pegou, ainda que essa opinião esteja totalmente contrária aos ensinos bíblicos, ou simplesmente para apresentar supostas falhas e/ou preconceito exposto nas Escrituras.

O mais perigoso de tudo isso é que muita gente acaba caindo nessas sutilezas e concordando com a visão daquele que disseminou determinada opinião, sem nem ao menos se preocupar se o texto exposto está ou não dentro do contexto. Há algum tempo vi uma frase que define bem isso: um texto fora de contexto vira pretexto... e é realmente verdade.